sexta-feira, 16 de abril de 2010

Sentimentos

O quarto está escuro e eu estou com medo. Tem uma luz ligada no corredor, mas nada de você. Ouço vozes, absorvo tristezas, e cadê você? Não quero escrever nada. Não quero ouvir nada. Não quero nada além de abraços seus. Além de chatices suas. Além de ligar a televisão e imaginar você vendo e ouvindo tudo que eu vejo e ouço. E são diversas as vezes que me faltam argumentos, palavras e sentimentos. Só me tomo por saudade. E cadê você? O bom de tudo isso é que a verdade é suma. Você mora dentro de mim. Você me faz sentir saudade dentro de mim. Bem dentro. E é nessa hora que todas as perguntas vêm como respostas. Você não está em nenhum lugar tão longe. O tempo todo você esteve aqui. O tempo todo você vai permanecer aqui. Eu em você e você em mim. Mesmo que passe dias sem conforto e sem chatices e sem o que você é, e sem o que eu sou. Você vai estar aqui. Quando estiver escuro, vou sentir segurança pensando em você. Porque todas as luzes se apagam e você é gigante perto de mim. Mesmo que só o alcance do meu pensamento te busque. Todas as palavras que dizemos um ao outro sem sequer dizer qualquer palavra, me fazem agora ter certeza que o que eu sinto por você é maior do que qualquer diferença e qualquer atrito. Só venho ter certeza disso quando penso em todos os sentimentos que já me foram proporcionados. Nunca foi maior ao número de vezes que senti vontade de não sentir mais vontade de você. Por mais paixão que já senti por alguém. Nunca se intensificou tanto quando ao número de vezes que meu coração dentre batidas chamavam teu nome. E todos os sentimentos que você e eu já sentimos juntos. Com ninguém nunca foi maior. Com você é tudo maior. Você é realmente gigante em mim. E quando repito isso em ritmos rápidos é porque a saudade de você me faz acelerar. A sua diferença me sustenta e a cada minuto você renova e faz desse amor essa loucura toda. Isso nunca vai deixar de ser amor. Certeza, e certeza também de que ninguém nunca vai me fazer sentir o escuro tão claro quanto você faz. Você é diferente de tudo e de todos. Você é a insegurança segura que o meu coração sempre procurou. E nunca vai encontrar em alguém de novo.

2 comentários:

  1. Quanto sentimento presente em suas palavras.
    Gostei muito. :)


    Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. "Você é a insegurança segura que o meu coração sempre procurou. E nunca vai encontrar em alguém de novo."

    Lindo *_*

    ResponderExcluir